Homem-bomba explode em igreja evangélica após culto














Um ataque suicida deixou pelo menos 17 feridos na frente de uma igreja protestante na cidade de Surakarta, na Indonésia, neste domingo (25). O local fica na ilha de Java, uma das principais do país. O ataque aconteceu às 10h50 no horário local (00h50 em Brasília), quando fíeis deixavam a reunião.

As autoridades do país confirmam somente a morte do próprio terrorista. Testemunhas falam em pelo menos três mortos, mas a informação não foi confirmada pela polícia indonésia, que ainda não terminou a investigação sobre o caso. Os feridos foram encaminhados para hospitais na cidade, que fica no meio da ilha e também é conhecida como “Solo”.

O local é a cidade natal de Abu Bakar Bashir, considerado o guru espiritual por trás do grupo que provocou a morte de 200 pessoas em um atentado em Bali em 2002.

Um dos países com o maior número de muçulmanos no mundo, a Indonésia foi o palco de diversos conflitos religiosos na última década. A luta entre islâmicos e cristãos foi intensa nas Ilhas Molucas e em Célebes desde a queda do ex-presidente Suharto em 1998.

Boa parte dos atentados com bomba na Indonésia é ligada ao grupo Jemaah Islamiya, um braço da organização terrorista al-Qaeda no sudeste da Ásia.

O domingo na Indonésia ainda contou com a morte de 13 pessoas após o naufrágio de um barco com 40 pessoas, também na região da ilha de Java. Nove pessoas estão desaparecidas e outras 18 se salvaram.

Fonte: G1

Follow by Email

DIAS DO BLOG ON LINE.