180′: documentário anti-aborto mostra casos de pessoas que mudaram de opinião sobre o tema























Um documentário anti-aborto produzido pelo Ministério Living Waters, dos Estados Unidos, alcançou grande repercussão e teve 1,2 milhão de acessos no YouTube, apenas no primeiro mês.

Segundo o site CPAD News, o filme denominado ‘180’, com duração de 33 minutos, apresenta 8 pessoas que durante toda sua vida foram pró-aborto, mas quando confrontadas com as perguntas que fazem um paralelo entre o aborto e o holocausto dos judeus na Alemanha, essas pessoas mudam de opinião. O nome do filme é uma metáfora que representa uma mudança completa e radical de opinião.

O produtor do filme, o cristão Ray Comfort afirma que as pessoas podem mudar de opinião em relação ao aborto e se envolver nessa causa: “As pessoas estão mudando a mente sobre a polêmica questão do aborto. Não apenas assistem on-line, mas compram para dar de presente” O produtor, que também é um líder em seu ministério, conta que houve uma doação de 200 mil cópias, feita por sindicatos de trabalhadores, às 100 melhores universidades dos Estados Unidos: “Já vendemos mais de 150 mil cópias em questão de semanas. Uma pequena igreja comprou 16,8 mil DVDs. Mas essa doação da universidade foi muito especial, porque agora o DVD está nas mãos dos jovens da América, e de muitos engajados no diálogo saudável”, festeja Comfort.

Depoimentos de pessoas que assistiram ao filme ressaltam o impacto que a produção tem. “O filme é poderoso. Eu sempre disse a mim mesma que nunca faria um aborto, mas não era contra o que outras mulheres faziam. Mas, eu mudei completamente minha mente agora. O aborto é assassinato, que deveria ser ilegal”, afirma uma estudante que teve acesso ao documentário. Um outro estudante relata que ficou sensibilizado com o que viu: “Eu ganhei este DVD enquanto caminhava para a aula. Cheguei em casa, vi e isso mudou meu coração. Eu comecei a pensar sobre cada pergunta que foi feita. Eu ficava sempre indeciso sobre o aborto, mas agora eu sou anti-aborto”, disse um estudante.

O produtor Comfort, conta que estava em frente a uma clínica de aborto, exibindo o trailler do documentário, quando duas jovens senhoras pararam para assistir. “Depois disso, assistiram ao filme inteiro. Uma estava grávida de quatro meses. Ambas estavam a caminho de fazer um aborto, estavam em lágrimas, abraçaram meu pescoço e decidiram dar os bebês à adoção. Eu chorei também”, conta Ray Comfort, que também é escritor e conta que está decidido a transformar o aborto em crime nos Estados Unidos. “Não vou descansar enquanto o horror do assassinato de crianças for uma realidade jurídica em nossa nação. Mas, a mudança política só virá se aqueles que se preocupam com os não-nascidos falarem. Nós criamos o Curso de ’180 ‘para ajudar aqueles que se preocupam de forma confidencial e querem falar sobre o assunto, de uma maneira que faça sentido. Qualquer um pode mudar a mente de alguém sobre o aborto como eu fiz em ’180′, se têm um coração amoroso e se estão dispostos a aprender alguns princípios simples. Conhecidos líderes cristãos também contribuíram para o curso, que está disponível em “www.heartchanger.com”, explica Comfort .

Assista ao filme, legendado em português:








Follow by Email

DIAS DO BLOG ON LINE.