Israelenses se encontram com Jesus no Facebook






















O Ministério Messiânico de Israel (Israeli Messianic ministry One for Israel) continua tendo sucesso na divulgação do evangelho através das redes sociais como Facebook e sites especializados em hebraico.

Em seu relatório anual, mais uma vez, “One for Israel”, disse que os israelenses são muito mais ativos na Internet do que a média dos ocidentais, tornando o espaço online perfeito, mas muitos negligenciam freqüentemente o caminho para a web evangelização.

De acordo com a comScore, os israelenses passam 11,1 horas por mês no Facebook, mais do dobro das 5,7 horas que é uma média global. Foi ainda observado que “no geral, 94% dos israelenses são usuários ativos de redes sociais.”

Com o propósito de chegar a todos os usuários de Internet em Israel, a “One for Israel”, realiza uma campanha publicitária no Facebook, Google e outros sites de alto trafego. Aqueles que clicarem em seus anúncios são levados para uma série evangelística enfocando os sites de língua hebraica (como iGod.co.il) que procuram explicar aos descrentes de Israel que as declarações de Jesus merecem consideração.

Os israelenses não conhecem bem a Bíblia e nem as profecias que apontam para Jesus. Então, recentemente, “One for Israel”, lançou um novo site, TheOne.co.il (versão em Inglês), que tem uma abordagem simples e básica para a narração profética, que leva o espectador pela mão através de consultas messiânicas da Bíblia que ser relacionam com os problemas de Israel.

Estes esforços continuarão a dar frutos

“Um para Israel” (One or Israel), afirmou em seu relatório anual, que diversas pessoas têm contatado pessoalmente o ministério desde o ano passado para um conhecimento mais profundo de Jesus, incluindo um oficial superior do exército israelense.

A organização hebréia ressaltou que o site dedicado a evangelização dos judeus que não acreditam em Jesus, foi visitado mais de 150 mil vezes e os israelenses fizeram download de uma versão digital do Novo Testamento em hebraico durante cinco horas, no decorrer de 2011. Além de pedirem copias físicas do Novo testamento, uma vez por dia em meia.

Esta é uma tendência permanente. As estatísticas fornecidas pelo Google mostram que os israelenses procuraram (em hebraico) O nome “Yeshua” (Jesus), mais de 25.000 vezes por mês. A frase “Brit Hadasha” (Novo Testamento) foi procurada por mais de 5.000 vezes a cada mês.

Portal Padom

Follow by Email

DIAS DO BLOG ON LINE.