Jesus é branco e Deus acinzentado’, afirma homem que foi ao céu quatro vezes Por padom














Em uma publicação do jornal Sowetan, conta a história de um sul-africano chamado Sibusiso Mthembu, de 64 anos. Ele tem atraído à atenção de multidões ao dizer que foi ao paraíso quatro vezes e ter feito um mapa do céu em uma parece de sua casa.

Em seu relato, Mthembu disse que no dia 22 de dezembro de 1993, um homem branco chegou a sua casa e disse que precisava dele no céu.

“Um anjo, que eu percebi depois que era Gabriel, e estava nos seus 20 anos, apareceu na minha casa e me levou pela mão para o Rio Mandeni onde me batizou e ele voltou para o céu”, disse Mthembu.

Passado cinco anos o mesmo anjo lhe apareceu, desta vez para busca-lo. “Então me levou para o quinto céu, chamado de Crista, onde me encontrei com Jesus em uma cidade chamada Sharomy”.

Esta foi a primeira das três visitas de outras viagens transcendentais que se repetiram em 2004, 2006 e 2008. Em seu retorno, ele desenhou um mapa do céu e seus habitantes na parede de sua casa, atraindo assim a atenção de seus vizinhos.

Ele diz que há 11 céus, sendo o principal chamado de Salem, onde se encontra o templo de Deus. Mthembu diz que “Jesus é branco e Deus é acinzentado em tez. Deus é em sua juventude”.

Além de Deus e Jesus, Mthembu disse ter conhecido outros nomes bíblicos como Moisés e Abel. “Também houve um chamado Silvertus um anjo-diabo”, disse ele.

Ele não se cansa de contar suas histórias a cada novo visitante. “Eu encontrei com ele [Jesus] em Jadalem, um planeta na maior parte coberto pela água e gelo.”

“Eu explorei o cidade Marshnode, o primeiro lugar aonde as pessoas vão depois que morrem, eu vi os seus espíritos reencarnados na Cidade Wespole”, disse.

Segundo Mthembu, as pessoas que previram o fim do mundo em maio do ano passado estava certo (referindo-se a Harold Camping)

“Na verdade, o que estava acontecendo naquele dia é que houve um grande encontro no céu, chamado Il-Banta para discutir uma grande guerra para combater o satanismo”, disse.

O profeta diz que “um dia para Deus é equivalente a 891 anos, então em 23 de maio foi o início da contagem regressiva para o fim do mundo”.

Um homem que conhece Mthembu a muito tempo, disse a publicação que tem duvidas sobre a veracidades dessas histórias. “Não sei se acredito ou não, eu acho que se trata de uma religião e crença. Algumas pessoas estão convencidas que é um verdadeiro mapa, enquanto outras não…”



Fiel em seu discurso, o sul-africano, disse que gostaria de ver o mapa sendo impresso para o mundo inteiro ver, “As pessoas devem vir e ver o mapa como um dia quando eles vão para o Japão, China ou Reino Unido. Que venham ver um mapa do céu e as pessoas da África do Sul, não devemos esquecer que o mapa foi feito originalmente na África do Sul “.

Além do mapa do céu, Mthembu já escreveu vários livros que documentam suas experiências celestiais. Ele conta que a viagem levantou questões sobre sua fé em Deus e a verdade da vida.

“Tudo que posso dizer é que eu acredito no Deus do universo e que ninguém pode descobrir a grande verdade da vida, até que finalmente se unam a eternidade com a morte”, proferiu.

Portal Padom

Com informações Sowetan

Follow by Email

DIAS DO BLOG ON LINE.