21 de dezembro de 2012: “O maior cavalo de Tróia da história”. Saiba qual o perigo que nos aguarda







Qual a verdade escondida à respeito do dia 21/12/2012? Muito se tem falado sobre a data de 21/12/2012 encontrada no calendário maia, vemos que quanto mais se aproxima essa data, mais aumentam as especulações.
Porém o verdadeiro perigo que satanás, o grande enganador, tem habilmente escondido de todos, não é o que acontecerá nessa data e sim o plano cruel que ele colocará em ação, após essa data!
Satanás sabe de antemão que, nenhuma das catástrofes previstas e alardeadas pelos meios de comunicação vão acontecer (pelo menos não nessa data), e com isso, mais uma vez conseguirá lançar grande descrédito e confusão sobre o tema “fim do mundo”!
Lembram daquela velha história do garoto que pregava peça nas pessoas gritando que a vila onde moravam estava pegando fogo? As pessoas de forma desesperada pegavam baldes d’água, e quando chegavam encontravam o menino “morrendo de rir” da cara deles… Todos nós sabemos tragicamente como terminou a brincadeira, não é mesmo? Um dia era verdade, porém ninguém acreditou e todos morreram…
Esse é exatamente o mesmo princípio que Satanás está usando. Ao amanhecer do dia 22/12/2012, bilhões de pessoas em todo o mundo concluirão que 21/12/2012 foi uma grande piada e darão continuidade as suas vidas como se nada tivesse acontecido sem perceber o grande perigo que está por detrás de tudo isso!
Mas qual o Verdadeiro Propósito de Satanás em Fazer Isso? Ele tem um propósito duplo!  Primeiro, para confundir e desacreditar principalmente as profecias bíblicas do Apocalipse sobre os acontecimentos finais da terra, mais especificamente as 7 trombetas que estão muito prestes a se cumprir.
Segundo, para encobrir através do alarde do fim do mundo, o verdadeiro propósito dessa data, já que Satanás a escolheu há milênios pelas suas configurações astronômicas e supostamente perfeitas, para sepultar de vez a “Velha Ordem Mundial” e começar a impor o período mais sombrio de toda a história humana, a “Nova Ordem Mundial”.
Portanto o ano de 2012 e sua data fatídica, foram o “maior cavalo de Tróia” de todos os tempos, um verdadeiro “presente grego” para nos distrair e tirar a nossa atenção daquilo que realmente está por vir.
No norte do país, o povo chamaria isso de “boi de piranha”, uma estratégia inteligente que permite alguém atravessar um rio infestado de piranhas sem um único arranhão. A estratégia é simples, porém altamente eficaz. Antes de se atravessar o rio, jogar-se o boi para ser devorado pelas piranhas, o que acontece em pouquíssimo tempo, porém tempo suficiente para conquistar o seu objetivo, ou seja, atravessar o rio em total segurança!
Satanás está usando a data de 21/12/2012 através da mídia globalizada e a indústria cinematográfica (como filmes como 2012 e outros), como um “grande boi de piranha”, ou se preferir com “um grande cavalo de Tróia” que trás dentro de si um plano diabólico e sombrio, para transformar o mundo, a partir de 2013, na era mais cruel e perversa que a humanidade já viu.
E porque seria o ano de 2013 um ano tão temido? O número 13 sempre teve um significado sombrio nas mais diferentes civilizações. Mas, para compreender este número, temos que entender antes o significado do número 12.
Na Bíblia, esse número aparece de maneira clara, como o número em que Deus mantém e distribui o Seu governo de forma perfeita. A Bíblia conta que Israel teve 12 filhos (Gênesis 35:22-27) e que cada um destes se tornou o fundador de uma das doze tribos de Israel. Jesus escolheu doze apóstolos (Mateus 10:2-4) para o início da Igreja. E novamente no Livro de Apocalipse, o número 12 fica muito evidente por simbolizar a salvação do povo de Deus. Há 24 anciões ao redor do trono de Deus e 144.000 dos salvos (Apocalipse 4:4; 7:4). é vista a perfeição da Nova Jerusalém com seus 12 portões, cada um com 12 fundamentos e adornado com jóias. Sua circunferência é de 12.000 estádios, e seus muros são de 144 cúbitos de altura (Apocalipse 21:10-21; Ezequiel 48:30-35).
O número 12 encerra um sistema completo, coeso e perfeito. O número 12 passa a ideia de segurança, de algo que está estruturado, perfeito e inviolável. O número 13, então, significa a ruptura de tudo isso, a transformação ou destruição. O número 13 também passa a ideia de renascimento, ou surgir das cinzas ou da morte, como símbolo disso temos a fênix, pássaro mitológico figura de Satanás, significando dizer que, a “velha ordem” precisa morrer, para dar passagem para a “Nova Ordem”. Os esotéricos chamam isso de “O fim da era de peixes” (que simboliza os 2.000 anos da era de Cristo) e “O início da era de aquário” (simbolizando a era de satanás).
Na Bíblia vemos que foi o número 13, o número escolhido por Satanás através de Hamã, para erradicar Completamente da face da Terra o povo de Deus, isso aconteceu na época da Rainha Ester. Leiamos:
“Enviaram-se as cartas, por intermédio dos correios, a todas as províncias do rei, para que se destruíssem, matassem e aniquilassem de vez a todos os judeus, moços e velhos, crianças e mulheres, em um só dia, no dia treze do duodécimo mês, que é o mês de Adar, e que lhes saqueassem os bens.” (Ester 3.13).
Repare que as coincidências não param por aí, vemos que até mesmo o versículo leva esse número (lembrando que originalmente a Bíblia não tinha versículos, eram livros inteiros). Satanás deixou claro nesse episódio, sua relação direta e pessoal com o número 13, vemos também nesse episódio que, o mês duodécimo (mês 12) também estava envolvido. Ao ler o livro de Ester, você verá o número 13 várias vezes relacionado com a destruição do povo de Deus, inclusive verá que no versículo anterior do mesmo capítulo, o próprio decreto de morte foi promulgado e selado com o anel do rei também no dia 13 no primeiro mês.
Também sabemos pela Bíblia que o número 13 é o número da rebelião, por isso o número 13 é associado ao Lúcifer, o rebelde. Em Gênesis isso fica evidenciado quando os reis de Sodoma e Gomorra se rebelaram no décimo terceiro ano: “Doze anos serviram a Quedorlaomer, porém no décimo terceiro se rebelaram.” (Gênesis 14.4)
O número 13 também é usado em rituais satânicos. Nas civilizações pagãs, o número 13 sempre foi temido e evitado. Acreditava-se que até sua simples citação poderia trazer má sorte. Vemos isso até mesmo através dos contos das histórias infantis. O número 13 nunca era dito e era uma grande surpresa abrir a porta que sucedia a porta de número 12. Ninguém sabia o que esperar… Um dragão? O vilão? A bruxa má? Abrir a porta, após o número 12, significava destruir o que estava perfeito e colocar tudo fora de controle.
A superstição de evitar 13 convidados à mesa veio da era cristã, pois transgrediu a perfeição do número 12, eram 13 à mesa, quando Judas traiu Jesus. Daí aumentar mais ainda a aversão ao número 13.
A superstição e o medo deste número vai ainda mais além, pois em alguns países, seus hotéis e prédios não têm o 13º andar, nem mesmo o número 13 em assentos de teatro e plataformas de trem. Por incrível que possa parecer, existe até mesmo uma doença relacionada ao número 13, essa doença recebe o nome de Triskaidekaphobia.
Definitivamente o número 13 tem significado negativo e acabou por ter uma relação direta com o fim e com a morte.
Temos estudado com bastante aplicação sobre esse tema, e abaixo você verá muitos acontecimentos ligados ao ano e ao número 13. Veja por exemplo que, assim como o calendário maia nos mostra as “digitais” de Satanás na história antiga, num passado bem mais recente, na nota de 1 dólar novamente vemos as suas “impressões digitais” com uma incrível clareza. Assista a um vídeo que demonstra isso:





Repare que no vídeo o número 13 aparece de forma marcante, repare também que o idioma usado na nota do dólar é o latim, e sabemos que esse é o idioma oficial de um único país no mundo: o Vaticano! http://pt.wikipedia.org/wiki/Vaticano
Portanto fica claro saber quem está por detrás da implantação da Nova Ordem Mundial: o Vaticano. E está usando, exatamente como fez na Idade Média, o poder civil, e dessa vez, muito bem armado: os Estados Unidos da América!
Veja abaixo a ênfase sobre o número 13 na nota de 1 dólar que, propositalmente hoje é de forma oficial a moeda de troca global: 13 Letras na frese em latim “ANNUIT COEPTIS”. Essa expressão significa literalmente significa: “Ele (satanás) aprova nosso empreendimento”.
13 Letras na frase “E PLURIBUS ANUM”. Essa expressão significa: “Nele (satanás) que todos sejamos um”.
13 Degraus na pirâmide.
13 Estrelas acima da águia.
13 Plumas de penas em cada período de asa da águia.
13 Barras verticais no escudo.
13 Folhas no ramo de oliveira.
13 Frutos.
13 Setas na garra da águia.
Vemos pela nota de 1 dólar, a clareza dos empreendimentos de Satanás, como um verdadeiro mapa de seus planos e atuação. Veja que a pirâmide de 13 degraus está inacabada, e entre ela e o “Olho de Hórus – O olho que tudo vê” (uma imitação barata da onipotência de Deus) existe um espaço a ser preenchido. Repare que a extremidade final da pirâmide (Olho de Hórus) não se encaixa no último degrau que é o décimo terceiro, revelando que entre o décimo terceiro degrau e satanás existe um espaço vago a ser preenchido por um personagem: o anticristo. Com isso a Nova Ordem Mundial se completa, e terá seu grande general e condutor.
Para que entenda a profundidade do número 13, o maior evento para a aniquilação da soberania dos países e, consequentemente preparou o caminho para a implantação da Nova Ordem Mundial em todo o mundo, aconteceu há exatamente 100 anos atrás: a fundação do Federal Reserve (Banco Central dos EUA). Isso foi no dia 23/12/1913. Coincidência? Acha mesmo? Então também deve achar coincidência o Evento que aconteceu em 2001 (a queda das torres gêmeas), que foi o Evento Mundial que marcou o Ano 1 do primeiro degrau dos últimos treze (que finaliza no ano de 2013) para implantar a Nova Ordem Mundial.
É justamente isso que representa a data 21/12/2012, o início de uma “Nova Era”, e veremos isso, não com especulações mas com fatos, no segundo artigo desse estudo, voltado para a cultura maia. Aguarde.
Luiz Carlos Fernandes
Fernandes Spiritual Group


Follow by Email

DIAS DO BLOG ON LINE.