Pesquisa ratifica maioria protestante nos Estados Unidos e apresenta detalhes da prática de fé no país











Definitivamente, os Estados Unidos da América formam um país de maioria cristã. Essa é a conclusão de uma nova pesquisa sobre religião, realizada pelo Instituto Gallup.
De acordo com os dados colhidos durante o levantamento, 77% dos 326 mil entrevistados confessaram-se cristãos, contra outros 20% que disseram não terem religião. Os 3% restantes são formados por adeptos do islamismo, judaísmo e outros.
Entretanto, no grupo dos não religiosos, 13% afirmaram frequentar algum culto ao menos uma vez por mês.
Na fatia de cristãos, 52% declararam-se protestantes, enquanto 23% se disseram católicos. Embora existam divergências sobre o mormonismo ser ou não uma religião cristã, a pesquisa considerou que os adeptos da seita faziam parte do grupo de cristãos, e somaram 2% do total.
O Instituto Gallup também levantou  informações a respeito da prática de fé, e nesse quesito, os mórmons foram os que se declararam mais praticantes: 87% dos adeptos da Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias afirmaram aplicar os princípios da religião em sua vida cotidiana, contra 79% dos protestantes, 78% dos muçulmanos e 70% dos católicos.
A frequência dos grupos religiosos aos cultos ou reuniões também foi liderada pelos mórmons: 81% disseram frequentar a igreja ao menos uma vez por mês, seguidos de 64% dos protestantes, empatados com muçulmanos, 64%, e 60% dos católicos, 34% dos judeus e 32% dos adeptos de outras religiões.
A pesquisa foi realizada entre os dias 02 de janeiro e 30 de novembro de 2012, e em resumo, apresentou uma queda de 1% no grupo cristão, e pouca mudança no cenário religioso do país, segundo informações do Christian Post.
Por Tiago Chagas, para o Gospel+

Follow by Email

DIAS DO BLOG ON LINE.