Pastor Silas Malafaia diz que frase “não me representa” não deve ser usada por evangélicos para se referir a líderes: “Somos um corpo”



Os protestos de setores da sociedade contra o pastor Marco Feliciano iniciaram um movimento em que a frase “Não me representa” foi usada à exaustão por inúmeras pessoas para expressar que determinada pessoa não possui reconhecimento de determinado grupo social.

Entre evangélicos, alguns dos que discordam das posturas de Feliciano e até de Silas Malafaia, usaram a frase para protestar contra os pastores, e como o sentido da expressão é amplo, outros líderes tornaram-se alvo de protestos semelhantes.
O pastor Silas Malafaia publicou uma série de tweets sobre o tema, em que exorta seus seguidores a não usar a frase para se referir a outros cristãos, pois isso de certa forma, excluiria quem a usa do corpo de Cristo.
“A frase mais dita nos últimos dias: ‘…Não me representa’. O povo de Deus não pode cair nesta bobagem. Vou explicar pra você através de tweetts. Se eu disser que você como irmão não me representa, estou dizendo q não sou membro do corpo de Cristo. Cada um de nós representa um ao outro. Mesmo não te conhecendo, como membro do corpo de Cristo, você me representa onde você trabalha, estuda, convive. Não somos mais de nós mesmos”, introduziu o pastor.
Reconhecendo que entre evangélicos há divergências que muitas vezes se tornam marcantes, Malafaia disse que as diferenças são normais: “Podemos discordar uns dos outros, mas cada um, representa o outro. Se não for assim, não somos membros do corpo de Cristo. Diferenças sempre vamos ter, afinal de contas, um é o corpo  com membros diferentes. Não vamos cair no jogo do diabo, ele quer nos dividir. Não conheço representante máximo dos evangélicos aqui no Brasil. Conheço o representante máximo dos evangélicos no mundo, Jesus Cristo”, pontuou o pastor.
Conhecido por seu temperamento forte, o pastor Malafaia afirmou que tem sido alvo de ataques feitos por pessoas que invejam sua posição: “A igreja evangélica possui uma infinidade de lideres, não conheço o líder máximo. Os lideres possuem uma certa influencia, nunca total. Tem um monte de tolos, invejosos, recalcados e etc. dizendo que eu me apresento como representante dos evangélicos. Quando eu disse isto? Mentira! Sempre tenho dito que tenho uma certa influência, como muitos líderes. Quem me assiste na TV sabe muito bem”.
twitter silas malafaia
Por fim, o pastor disse que reconhece a todos que professam a mesma fé como irmãos: “Qualquer um que seja membro do corpo de Cristo me representa. Não importa a denominação. Leia 1 Co 12.12…. Se é falso cristão, não pertence ao corpo de Cristo. O Novo Testamento nos dá a regra da quem pertence ao corpo de Cristo”.
Por Tiago Chagas, para o Gospel+

Follow by Email

DIAS DO BLOG ON LINE.