Governo Mundial’ seria a solução para a crise do mundo, diz colunista







- O mundo necessita de uma instituição global que possa desfazer o ‘nó górdio’ do mercado econômico e financeiro mundial, já que os políticos atuais atuam como ‘moleques’, afirma uma colunista alemã.
Em seu artigo para o jornal  ‘WirtschaftsWoche Heute’ a colunista Bettina Röhl lamenta que nem a ONU e nem os lideres do G8 ou G20 podem resolver as crises financeiras devido a sua inexperiência e ‘egoísmo’ nacional, conforme publicou o RT.
- “O medico principal (Barack) Obama e seus colegas mais jovens de Pequi, Nova Deli, Paris, Londres, Berlim e Tóquio, estão receitando medicamentos a um paciente chamado ‘mundo na era da globalização’, mas ‘não tem nenhuma ideia’ do efeito que terão seus medicamentos”, diz a autora em seu artigo.

Ela acredita que o mercado mundial esta saturado de um numero infinito de jogadores incontroláveis, se parecendo como um ‘cassino’ em que um ‘papel muito importante tem os político’. Por outro lado, ali também operam ‘tubarões do capitalismo como (George) Soros e (Warren) Buffet’.
- Mas os lideres mundiais de grandes economias atuam como ‘meninos que não tem outra escolha que falar com falso otimismo sobre um próximo fim de crise.  Ou seja, todos simplesmente esperam que os problemas se resolvam por si mesmo mais tarde’, concluiu Rohi.
- Nesta situação, nem os governos conservadores nem a oposição (as forças esquerdistas e ambientalistas) encontram nenhuma maneira para resolver a crise. Por isso que ‘o mundo precisa de um Governo global e imparcial (cuja aparição é impossível) que aturaria mais rigidamente’. Assim os políticos abandonariam suas ‘falsa ambições’ e as crises econômicas deixariam de ser ‘politizada’.

Portal Padom

Follow by Email

DIAS DO BLOG ON LINE.