Jovem grava relato sobre sua busca por libertação da homossexualidade e testemunha: “Deus me libertou”; Assista





No meio evangélico a questão da prática homossexual é vista como um comportamento que pode ser mudado. Embora essa visão seja contestada por setores da sociedade, os casos de libertação da homossexualidade são mostrados pelas lideranças evangélicas como exemplo de mudança a partir do Evangelho.
Seguindo essa linha, um jovem chamado Tiago Camargo publicou em seu canal no YouTube um testemunho pessoal de libertação da homossexualidade. “O motivo de eu gravar esse vídeo é porque eu era homossexual. E se eu digo que ‘era’, é porque Deus me libertou”, afirma.
O rapaz, morador de Porto Velho, Rondônia, afirma que mesmo tendo nascido num lar cristão, passou a sentir desejos pessoas do mesmo sexo. “Eu me perguntava: ‘Senhor porque, eu faço parte da sua igreja, eu te louvo, eu oro, eu sou da igreja, não desviei de seus caminhos, mas mesmo assim tenho esses pensamentos e esses desejos?’”, relata Camargo.
Aos 21 anos, a dificuldade em lidar com os desejos o levou a desistir de resisti-los: “Saí da igreja, e falei: ‘Senhor, agora vou fingir que o Senhor não existe’”, conta o rapaz.
Segundo Tiago Camargo, sua ligação com a homossexualidade era algo maligno e isso o levou ao desespero, fazendo-o tentar o suicídio.
“Eu cheguei a tentar me matar três vezes. Em uma dessas vezes, eu saí de casa porque os meus pais e a minha família não me aceitavam desse jeito. Não aceitavam que eu fosse homossexual. Eu fui até a casa de uma tia que tinha câncer e tomei uma cartela de remédios de quimioterapia. Falei: ‘Senhor, agora eu vou morrer. Estou me matando, e o Senhor faça comigo o que quiser’. Ele teve misericórdia da minha vida. Eu vomitei tudo. Quando meu pai chegou, eu contei tudo, e ele disse: ‘Tiago, Deus não vai deixar você se matar’. Depois daquilo, eu novamente procurei a Jesus. Um dia eu acordei e vi um vulto na minha frente. Era um demônio. Eu falei: ‘Em nome de Jesus, você vai sair daqui, porque agora eu sirvo o meu Deus’. Nesse momento ele sumiu. Depois eu soube que meu cunhado tinha tido um sonho em que ele viu um dragão azul descendo ao inferno, entrando numa caverna e dizendo a um dragão vermelho: ‘Nós perdemos a batalha’”.
Assista a íntegra do testemunho de Tiago Camargo:





Follow by Email

DIAS DO BLOG ON LINE.