Jovens evangélicos participam da Jornada Mundial da Juventude coletando assinaturas contra a perseguição de cristãos na Síria





Jovens evangélicos do grupo Underground, órgão ligado à Missão Portas Abertas, participaram da Jornada Mundial da Juventude (JMJ) coletando assinaturas dos participantes do evento católico para lutar contra a perseguição a cristãos na Síria.
Para atrair a atenção dos participantes da JMJ, os jovens evangélicos portavam cartazes e alto-falantes com mensagens a respeito do tema, que atinge protestantes e católicos da mesma forma.
“Essa galera reunida quase toda é evangélica. Temos batistas, assembleianos, presbiterianos, congregacionais, mas também temos católicos envolvidos conosco na Portas Abertas”, explicou Alyne Romeiro, coordenadora do grupo Underground.
Os que se identificavam com a causa eram convidados a assinar o documento e participar da mobilização: “Os católicos estão se interessando muito pelo assunto, preenchem, assinam o documento e falam: quero apoiar os meus irmãos, também”, comemorou Alyne, que afirmou à TV IG que se surpreendeu positivamente com a JMJ e com a receptividade dos jovens católicos com a iniciativa da Portas Abertas.

Por Tiago Chagas, para o Gospel+

Follow by Email

DIAS DO BLOG ON LINE.