Pesquisa revela que políticos evangélicos são mais malvistos pela população do que os católicos




Uma pesquisa feita pelo Datafolha revelou que os políticos ligados a igrejas evangélicas tem uma pior fama entre a população do que aqueles ligados À Igreja Católica. 17% das pessoas entrevistadas pela pesquisa afirmam os políticos que têm alguma ligação com denominações evangélicas são piores do que os demais.
Já os políticos católicos são vistos como piores que seus pares por 12% dos entrevistados. O índice de pessoas que veem tanto os políticos católicos quanto os evangélicos como melhores que os outros é de 9%.
Porém, apesar da religião dos políticos influenciar em sua percepção pela população, a maioria das pessoas acredita que políticos que têm ligação com igrejas – tanto a católica quanto evangélicas – são iguais aos demais: 70% e 65%, respectivamente.
A pesquisa mediu também a influência da religião declarada pelos entrevistados em sua percepção sobre os políticos. 11% das pessoas de que dizem católicas afirmam que seus pares na política são piores que os demais; índice igual ao dos entrevistados que se declaram evangélicos pentecostais.
Entre aqueles que se declaram evangélicos pentecostais, 7% veem políticos ligados a denominações evangélicas como sendo piores que os demais; entre os católicos, esse índice sobre para 19%.
Realizada no mês de junho, a pesquisa ouviu 3.758 pessoas em 180 municípios brasileiro, segundo o jornal Folha de S. Paulo.

Por Dan Martins, para o Gospel+

Follow by Email

DIAS DO BLOG ON LINE.