Pastor afirma que responsabilidade por jovens abandonarem a igreja durante a universidade é da própria igreja: “Não oferece preparo”. Leia na íntegra












A jornada de jovens evangélicos nas universidades termina, em sua maioria, no abandono destes à prática religiosa, e o assunto foi tema de um artigo do pastor Renato Vargens, em seu blog.

Dados de uma pesquisa realizada em 2009 pelo instituto Christian Consulting for Colleges and Ministries detectou que 58% dos jovens cristãos que ingressas na faculdade, se afastam das igrejas nas quais cresceram, e o principal motivo alegado pelos entrevistados é o conflito de ideias e princípios.
O pastor Renato Vargens acredita que parte do distanciamento destes jovens se dá pelo despreparo destes, e responsabiliza as igrejas por isso: “Afirmo sem a menor sombra de dúvidas de que a igreja não está oferecendo a sua juventude ferramentas necessárias para a desconstrução de valores absolutamente anticristãos”, explica o pastor.
“As universidades públicas estão repletas de conceitos marxistas. Volta e meia eu recebo a informação de professores que em sala de aula zombam de Cristo, ridicularizando publicamente todos aqueles que se dizem cristãos”, afirma Vargens que entende que a família tem parcela de responsabilidade: “Nossos jovens não estão sendo preparados pelos pais com vistas ao enfrentamento cultural. Vivemos numa sociedade multifacetada, cujo os valores relacionados a sexo, família, trabalho, sucesso e moral foram relativizados. Nesta perspectiva não são poucos aqueles que ao longo dos anos tem sucumbido diante da avalanche de conceitos extremamente antagônicos aos pressupostos bíblico-cristãos”.
Vargens ressalta ainda que é importante que as igrejas tenham meios para fornecer informações aos jovens a respeito da contemporaneidade, fazendo assim com que eles não sejam surpreendidos na faculdade: “Nossos jovens não tem sido preparados pela igreja para responder as perguntas de uma sociedade sem Deus como também oferecer respostas àqueles que lhes questionam a razão da sua fé.  Nesta perspectiva os conceitos ‘simplistas’ de alguns dos nossos rapazes e moças  tem sido facilmente desconstruídos num ambiente onde o ceticismo e a incredulidade se fazem presentes”.
Citando o velho continente como exemplo, o pastor afirma que a sociedade tem trabalhado e vivido em função do prazer pessoal, o que afasta o homem de Deus: “A Europa por exemplo transformou-se num continente secularista onde o que mais importa é o bem estar comum e a ausência de Deus. Nesta perspectiva vive-se para o prazer, nega-se uma fé transcendente quebrando todo e qualquer paradigma que nos faça lembrar de Cristo ou da igreja”.
Renato Vargens aponta, entre outras ações, iniciativas que são necessárias para reverter o quadro: “A Igreja precisa preparar os seus jovens para se relacionarem com a cultura. O problema é que em virtude do maniqueísmo que nos é peculiar satanizamos o mundo bem como todas as suas vertentes culturais”.
Confira abaixo a íntegra do artigo “Por que os jovens evangélicos estão se desviando na universidade?”, do pastor Renato Vargens:
As estatísticas são sombrias. Alguns chegam a afirmar que em média, 60% dos jovens evangélicos que adentram a universidade se afastam da comunhão dos santos e da igreja. Ora, seria simplista da minha parte afirmar de modo absoluto os reais motivos para a apostasia de nossos jovens, todavia, acredito que algumas razões são preponderantes para o esfriamento da fé da juventude cristã:
1- Nossos jovens não estão sendo preparados pela igreja para enfrentar as demandas sociais, comportamentais e filosóficas na universidade.  Na verdade, afirmo sem a menor sombra de dúvidas de que a igreja não está oferencendo a sua juventude ferramentas necessárias para a desconstrução de valores absolutamente anticristãos. Por exemplo, as universidades públicas estão repletas de conceitos marxistas. Volta e meia eu recebo a informação de professores que em sala de aula zombam de Cristo, ridicularizando  publicamente todos aqueles que se dizem cristãos.
2- Nossos jovens não estão sendo preparados pelos pais com vistas ao enfrentamento cultural. Vivemos numa sociedade multifacetada, cujo os valores relacionados a sexo, família, trabalho, sucesso e moral foram relativizados. Nesta perspectiva não são poucos aqueles que ao longo dos anos tem sucumbido diante da avalanche de conceitos extremamente antagônicos aos pressupostos bíblicos-cristãos.
3- Nossos jovens não tem sido preparados pela igreja para responder as perguntas de uma sociedade sem Deus como também oferecer respostas àqueles que lhes questionam a razão da sua fé.  Nesta perspectiva os conceitos “simplistas” de alguns dos nossos rapazes e moças  tem sido facilmente descontruídos num ambiente onde o cetiscismo e a incredulidade se fazem presentes.
4- Nossos jovens tem sido influenciados negativamente pelo secularismo, hedonismo e satisfação pessoal. Sem sombra de dúvidas acredito que o secularismo é um grave problema em nossos dias. A Europa por exemplo transformou-se num continente secularista onde o que mais importa é o bem estar comum e a ausência de Deus. Nesta perspectiva vive-se para o prazer, nega-se uma fé transcendente quebrando todo e qualquer paradigma que nos faça lembrar de Cristo ou da igreja.
Diante deste funesto quadro surge a pergunta: O que fazer então?
1- A Igreja precisa fortalecer a família oferecendo aos casais ferramentas para a edificação de lares sólidos cujo fundamento é infalível Palavra de Deus.
2- A Igreja precisa preparar os seus jovens para responder as perguntas da sociedade. Nessa perspectiva, deve-se investir numa formação apologética, cujo foco deve ser oferecer a juventude “armas” espirituais capazes de anular sofismas.
3- A Igreja precisa investir em universitários promovendo grupos de comunhão, debates, além de discussões teológicas, sociológicas e filosóficas, oferecendo a estes condições de responder aos seus inquiridores o porque da sua fé.
4- A Igreja precisa estudar teologia com os universitários. Questões relacionadas ao pecado, juízo eterno, salvação, morte e sofrimento além de tantos outros conceitos relacionados aos nossos dias precisam ser explicados e entendidos pelos nossos jovens.
5- A Igreja precisa preparar os seus jovens para se relacionarem com a cultura. O problema é que em virtude do maniqueísmo que nos é peculiar satanizamos o mundo bem como todas as suas vertentes culturais. Por outro lado, existem aqueles que em nome da contextualização “mundanizaram” a Igreja, levando o povo de Deus a um estilo de vida ineficaz cujos frutos não tem sido muito bons.
6- A Igreja precisa fomentar em seus jovens o desejo de conhecer a Deus e se relacionar com Ele. Jovens que se relacionam com Deus através da oração e das Escrituras Sagradas tornam-se mais fortes diante dos embates desta vida.
Que Deus nos ajude diante hercúlea missão e que pela graça do Senhor nossa juventude possa ser bênção da parte do Senhor na universidade.
Soli Deo Gloria,
Renato Vargens
Por Tiago Chagas, para o Gospel+

Denúncias por intolerância religiosa figuram entre as dez maiores reclamações de usuários do Facebook


Denúncias por intolerância religiosa figuram entre as dez maiores reclamações de usuários do Facebook




O Safernet Brasil, uma ONG que atua na fiscalização de crimes cibernéticos divulgou os dados de um levantamento feito pela Central Nacional de Denúncias de Crimes Cibernéticos (CND) sobre denúncias feitas contra páginas do Facebook.
Denúncias por intolerância religiosa estão entre as dez maiores registradas durante 2012. Foram registradas 494 denúncias do tipo, o que deixa a categoria como a sexta de maior ocorrência, de acordo com o G1.
A lista das dez maiores denúncias é formada por conteúdo racista, com 5.021 reclamações, seguida de pornografia infantil (1.969); apologia e incitação a crimes contra a vida (1.513); maus tratos contra os animais (697); homofobia (635); intolerância religiosa (494); xenofobia (376); tráfico de pessoas (233); neonazismo (186); e genocídio (181).
O Facebook registrou no total, um aumento das denúncias em 264,5%, somando 11.305 páginas com conteúdo questionável. Esse dado transforma a rede social na segunda com mais reclamações, perdendo apenas para o Orkut, que desde 2006 lidera o ranking.
Páginas de conteúdo religioso se multiplicam no Facebook, e o registro de casos como os protestos em boicote à produções da TV Globo, como a microssérie O Canto da Sereia e a novela Salve Jorge, podem ser interpretado por usuários que professam crenças diferentes como intolerância religiosa, o que leva à denúncia.
Cada caso é apurado pela rede social individualmente, e as medidas cabíveis são tomadas caso seja detectado realmente que a página promove intolerância, ou qualquer outra prática proibida.
Por Tiago Chagas, para o Gospel+

“IntelliMen”: Igreja Universal lança grupo exclusivo para homens com propostas similares à maçonaria. Confira











O bispo Renato Cardoso, genro de Edir Macedo e apresentador do programa The Love School lançou uma espécie de fraternidade, exclusiva para homens, intitulada “Projeto IntelliMen”, e voltada à superação de desafios.
Segundo texto do site Arca Universal, “o nome é a junção de duas palavras em inglês: intelligent (inteligente) e men (homens), porque engloba todo o objetivo do projeto, que é ‘formar homens inteligentes e melhores em tudo’”.
O bispo Renato Cardoso declarou que através de desafios, o projeto ensinará valores aos participantes e isso tornará os “intellimen” pessoas mais fortes e prósperas.
“Espere desafios. Nós vamos lhe desafiar a ser melhor em todas as áreas de sua vida. E para ser um dos IntelliMen, você nunca poderá fugir dos desafios nem deixar de cumpri-los. E, acima de tudo, precisará do ingrediente fundamental para aprender: humildade. Se você não reconhece que precisa melhorar, não podemos lhe ajudar. Ainda que você já seja forte e bem-sucedido em muitas coisas, é preciso entender que ‘o homem não prevalece pela força’ (1 Samuel 2.9)”, disse Cardoso.
Ainda segundo o texto, “qualquer homem pode participar, com a condição de ler todo o manifesto”, além de manifestar publicamente sua decisão através das redes sociais, além de publicar uma foto reproduzindo o gesto símbolo da fraternidade, “o soco da inteligência”.
A exclusividade masculina e a elaboração de ritos e símbolos visando conquistas subjetivas, em tom filosófico, faz surgir uma imediata comparação com a maçonaria, outra fraternidade exclusiva para homens e que há séculos, apesar de toda publicidade em torno, mantém suas práticas em segredo.
O projeto do bispo Renato Cardoso divulgou um passo a passo que deve ser seguido pelos interessados, e que se cumprido, significa a realização do primeiro desafio. É possível conferir todos os detalhes do manifesto divulgado pelo bispo no pdf publicado neste link.
A Redação do Gospel+ procurou a assessoria de imprensa da Igreja Universal para um pronunciamento a respeito dos objetivos do Projeto IntelliMen e  também das inevitáveis comparações com o que se sabe da maçonaria, porém até o fechamento desta matéria, a IURD não se manifestou.
Por Tiago Chagas, para o Gospel+

Família encontra ursinho de pelúcia com arma de fogo entre presentes de Natal enviados por igreja










Uma família de um dos bairros menos favorecidos de Nova York viveu um Natal atípico, ao encontrar dentro de presentes enviados por uma igreja, um ursinho de pelúcia armado.
A família cria uma filha adotiva, que encontrou o revólver após abrir a caixa do ursinho de pelúcia: “Isso é algo que você nunca espera no Natal. Eu a ouvi dizer: ‘Olha, Miss Sheeba, encontrei uma arma’. Ela estava agitando-a e brincando com ela”, revelou Sheeba Anderson, mãe adotiva de Natasha Brunson, de 8 anos de idade.
O presente foi enviado pela Igreja de Santo Antônio, no SoHo, segundo informações do Huffington Post.
A menina afirmou que não sentiu medo ao pegar a arma, pois pensava que era de brinquedo.  Já a mãe disse sentir-se aliviada que tudo não tenha passado de um susto: “Eu sinto como se tivesse sido evitado o que poderia ter sido um desastre terrível”.
A Igreja declarou que o ursinho não havia sido comprado, mas sim, coletado junto a um lote de brinquedos doados pelo Serviço de Edwin Gould para Crianças e Famílias. “Estamos preocupados quando qualquer risco potencial em um lar adotivo chama a nossa atenção, e estamos trabalhando para garantir que todas as crianças estejam em casa a salvo”, afirmou o porta-voz.
Confira abaixo a reportagem do canal CBS sobre o caso:


TEMPO PARA TUDO - Eclesiastes 3










Eclesiastes 3

 - VERSÍCULO  1 ; 8



Tudo tem o seu tempo determinado, e há tempo para todo o propósito debaixo do céu.
Há tempo de nascer, e tempo de morrer; tempo de plantar, e tempo de arrancar o que se plantou;
Tempo de matar, e tempo de curar; tempo de derrubar, e tempo de edificar;
Tempo de chorar, e tempo de rir; tempo de prantear, e tempo de dançar;
Tempo de espalhar pedras, e tempo de ajuntar pedras; tempo de abraçar, e tempo de afastar-se de abraçar;
Tempo de buscar, e tempo de perder; tempo de guardar, e tempo de lançar fora;
Tempo de rasgar, e tempo de coser; tempo de estar calado, e tempo de falar;
Tempo de amar, e tempo de odiar; tempo de guerra, e tempo de paz.





Amados em Cristo, quando me converti e os irmãos falavam comigo a respeito desta passagem da bíblia, eu ficava tão irritada porque não entendia o tempo de Deus. 
Na minha aflição e desespero(sim porque quando somos novos convertidos;achamos que Deus tem que fazer tudo na nossa hora; como se Ele fosse nosso escravo.Escravo de nossas vontades) eu não tinha paciência e muito menos sabedoria para entender que o tempo de Deus não é o nosso tempo.
Eu queria que tudo acontecesse em um piscar de olhos e eu ficava triste, angustiada, mas na firme esperança que Deus (Jesus) iria atender os meus clamores e suplicas.
Me converti no ano de 1995 (quando tudo a minha volta desmoronava) perdi meu emprego , perdi meu apartamento, perdi minha posição social, perdi tudo menos o amor de Jesus que continua fiel a mim.
Eu estava aprendendo a caminhar.
Quando aceitei Jesus como meu único e suficiente salvador, o fardo que eu carregava a muitos anos caiu por terra e eu pude respirar aliviada porque Jesus estava comigo e me sustentava.
Respirei aliviada como a muito não fazia.
Foi maravilhoso, um sentimento indescritível, torço e oro para que todos possam sentir Jesus vivo em sua vida.
Jesus é maravilhoso, Ele teve e tem a maior paciência comigo em me ensinar coisas que eu não sabia. (Jesus disse conhecereis a verdade e a verdade vós libertará.)
E no decorrer dos anos tive muitas experiências maravilhosas com Jesus.
Hoje no século XXI , depois de anos e anos consigo entender esta passagem da bíblia que diz que a tempo para tudo nesta vida e eu aprendi a aceitar a hora de Deus.
No salmo 4o o Senhor diz :  Esperei com paciência no SENHOR, e ele se inclinou para mim, e ouviu o meu clamor. 
Salmos 40:1
Sim realmente eu esperei e hoje o senhor me devolveu tudo;  não perdi minha fé em Jesus; Creio firmemente que na hora certa tudo de bom acontece, porque o senhor quer o nosso bem.Ele nos ama com infinito amor.
Nos vemos um pedacinho apenas do rio, Jesus vê a nascente do rio o caminho por onde ele percorre ate o desaguar no mar, por isso eu digo que Jesus sabe o que é melhor para nós .
Amados irmãos fiquem firmes em tua fé; tribulações teremos pois o mundo esta um verdadeiro caos; mas com Jesus poderemos superar tudo.
Amém.
Glória  a Deus.


Célia Goulart serva de Jesus Cristo.



VERSÍCULO DO DIA











Assim diz o Senhor DEUS, que congrega os dispersos de Israel: Ainda ajuntarei outros aos que já se lhe ajuntaram.Isaías 56:8

O seu caráter esquecedor | Estudos Bíblicos






















Posted: 09 Jan 2013 07:32 PM PST

“Como o Oriente está longe do Ocidente, assim ele afasta para longe de nós as nossas transgressões”. Salmos 103:12

Recentemente eu estava agradecendo ao Pai pela sua misericórdia. E eu comecei listando os pecados que ele perdoou. “Lembra-se de quando eu…” Mas eu parei. Alguma coisa estava errada. Não se encaixava. Ele se lembra?

Então eu me lembrei. Eu me lembrei das suas palavras em Hebreus 8:12: “E não me lembrarei mais dos seus pecados”. Uau!

Deus não só perdoa, ele esquece. Ele apaga a lousa. Ele destrói a evidência. Ele queima o microfilme. Ele limpa o computador. Ele não se lembra!

Não, ele não se lembra, mas eu me lembro, você se lembra. Aquela mentira horrenda. A hora em que você explodiu de raiva. Aquele dia. Aquele ciúme. Aquele hábito. Espectros rancorosos que maliciosamente sugerem, “Você está realmente perdoado?”

Você acha que Deus estava brincando quando ele disse, “Não me lembrarei mais dos seus pecados”? É claro que você não acha. Você e eu apenas precisamos de um lembrete casual do caráter de Deus. O seu caráter esquecedor!

Autor: Max Lucado
Fonte: Irmãos

O PEDIDO DE JAIRO.









E, passando Jesus outra vez num barco para o outro lado, ajuntou-se a ele uma grande multidão; e ele estava junto do mar.

E eis que chegou um dos principais da sinagoga, por nome Jairo, e, vendo-o, prostrou-se aos seus pés,
E rogava-lhe muito, dizendo: Minha filha está moribunda; rogo-te que venhas e lhe imponhas as mãos, para que sare, e viva.


E foi com ele, e seguia-o uma grande multidão, que o apertava. 


Marcos 5:21-24








Amados irmãos simples assim. se você realmente acredita e se humilha diante de Deus o milagre acontece.
Basta que você clame pelo Santo nome do Senhor Jesus Cristo e Ele virá em seu auxilio.
Viram como Jairo foi firme e ao mesmo tempo humilde diante de Jesus?

Firme na sua fé, na sua crença que Jesus salvaria sua filha.
Não se importando ele com sua posição social, apenas ele creu que Jesus curaria sua filha.
Nem por um instante ele duvidou.
Não colocou sua fé em duvida; como  muitas das vezes pedimos a Jesus; e ficamos aflitos esperando que aconteça.
Deleite-se nas mãos do senhor Jesus , entregue a Ele os teus caminhos e o mais Ele fará.
Amados não estou escrevendo isto só para você que esta lendo esta mensagem, 
mas quando escrevo ,escrevo para mim mesma em primeiro lugar.
Deus seja louvado na sua vida e na minha vida também.
Senhor Jesus agora eu te peço cure minha filha Nayara.
Senhor creio no teu poder. 
Amém.
Peço aos irmão que orem pelos meus filhos e familiares.


Célia Goulart serva do Senhor Jesus.

Dependendo de Deus | Estudos Bíblicos












Quebra-gelo: Dinâmica do guiando o cego
João 15:5

Introdução: Quando nascemos somos totalmente dependentes. Precisamos de alguém para satisfazer as nossas necessidades mais básicas. Precisamos de alguém para comer, vestir, tratar nossas dores, dar banho, etc.

A medida que vamos crescendo, nossa curiosidade e o nosso desejo de satisfazê-la nos guiam a independência. Pouco a pouco vamos precisando menos dos outros e, por isso, fazemos mais o que queremos e menos o que os outros querem. Além de sermos educados para sermos independentes.

Na vida espiritual a independência é uma tolice, uma mentira, pois não temos todo o poder e conhecimento necessário para tomar as decisões certas. Mesmo na vida normal não temos, mas o orgulho pessoal nos leva a querermos organizar a nossa vida (às vezes a de outros) a nossa maneira. Isso nos leva a uma vida cheia de insatisfações, sofrimentos, tristezas, frustrações e ausências (sempre nos falta algo). Poucos estão satisfeitos com suas vidas, a maioria ou está conformada ou insatisfeita.

Só Deus tem todo o poder e conhecimento necessários para nos conduzir a uma vida abundante, se é isso o que queremos precisamos:

1)Confiar em Jesus. Sem isso teremos medo ou nos sentiremos inseguros para obedecê-Lo ou deixá-Lo nos conduzir.

2)Permanecer em Jesus. Isso quer dizer que não devemos fazer nada que não seja vontade de Deus para nós.

3)Depender de Jesus. Sem o conhecimento do futuro, ou o poder necessário para alterar as circunstâncias adversas, somos cegos sem direção tomando as decisões erradas sobre o nosso destino. Por mais independentes que sejamos temos quem reconhecer que precisamos de Jesus e que sem Ele nada podemos fazer, não conseguimos nada.
Conclusão: Na vida com Deus pode levar um tempo para dependermos de Deus totalmente, mas precisamos lembrar que sem Ele nada poderemos fazer. Você reconhece que precisa de Jesus? Quer depender Dele? Vamos orar.
Fonte: IMM



Por que a Índia trata tão mal suas mulheres?










Muitos a chamaram de “coração valente” ou “filha da Índia”. Mais do que motivar uma onda de orações e protestos em todo o país, a estudante de 23 anos morta no sábado após ser estuprada por seis homens em um ônibus em Nova Déli fez o país se perguntar: “Por que a Índia trata tão mal as suas mulheres?”. 
No país, não são raros os casos de aborto de fetos femininos, assim como os de assassinato de meninas recém-nascidas. A prática levou a um assombroso desequilíbrio numerico entre gêneros no país.
As que sobrevivem enfrentam discriminação, preconceito, violência e negligência ao longo da vida, sejam solteiras ou casadas.
TrustLaw, uma organização vinculada à fundação Thomson Reuters, qualificou a Índia como o pior lugar para se nascer mulher em todo o mundo.
E isso se dá em um país no qual a líder do partido do governo, a presidente da Câmara de Deputados, três importantes ministras e muitos ícones dos esportes e dos negócios são mulheres.
Crimes em alta - Apesar do papel mais importante desempenhado pelas mulheres no país, crimes de gênero estão em alta na Índia. Em 2011 foram registrados 24 mil casos de estrupo – 17% só na capital, Nova Déli. O número é 9,2% maior do que no ano anterior.
Segundo os registros policiais, em 94% dos casos os agressores conheciam as vítimas. Um terço desses eram vizinhos. Parte considerável era de familiares.
E não se tratam apenas de estupros. Segundo a policía, o número de sequestros de mulheres aumentou 19,4% em 2011 (em relação ao ano anterior). O aumento dos casos assassinato foi de 2,7%, nos de torturas, 5,4%, nos de assédio sexual, 5,8%, e nos de violência física, 122%.

Discriminação mortal - Segundo Amartya Sen, prêmio Nobel de Economia de 1998, mais de 100 milhões de mulheres desapareceram ou foram mortas em todo o mundo vítimas da discriminação.
De acordo com os cálculos dos economistas Siwan Anderson e Debraj Ray, mais de dois milhões de indianas morrem a cada ano: cerca de 12% ao nascer, 25% na infancia, 18% em idade reprodutiva e 45% já adultas.
O estudo mostrou que mais mulheres morrem na Índia por ferimentos do que por complicações no parto. E esses ferimentos seriam um indicador da violência de gênero.
Outro dado estarrecedor é o de 100 mil mulheres mortas por queimaduras. Segundo os dois economistas, boa parte delas são vítimas de violência relacionada ao pagamento de dotes matrimoniais. Não raro, os agressores queimam as mulheres.
Sociedade patriarcal - Para os analistas, é preciso uma mudança estrutural nas atitudes da sociedade para que as mulheres sejam mais aceitas e tenham mais segurança na Índia.
O preconceito de gênero é reflexo de uma sociedade de tradição patriarcal, ainda mais forte no norte do país.
Para os manifestantes que saíram às ruas após o estupro da jovem estudante de medicina, os políticos, inclusive o primeiro-ministro Manmohan Singh, não são sinceros quando prometem leis mais duras contra a violência de gênero.
Eles ainda questionam o fato de que 27 candidatos nas últimas eleições regionais eram acusados de estupro. Além disso, seis deputados respondem pelas mesmas acusações. Como crer, então, na classe política?
Ainda é cedo para saber se o governo realmente concretizará suas promessas de leis mais duras e julgamentos mais ágeis em casos de estrupo. Os protestos em Nova Déli, no entanto, parecem trazer alguma esperança de que algo poderá mudar, para o bem das mulheres indianas.


Índia: Mulher salta de um trem para evitar ser estuprada









Uma mulher indiana de 25 anos de idade, mãe de dois filhos, pulou de um trem para evitar ser estuprada por um soldado, enquanto viajava de Darjeeling para Nova Deli.

A mulher continua em estado grave no hospital da cidade de Patna.  A menos de um mês uma estudante de 23 anos foi atacada e estuprada vindo há morrer duas semanas após o ocorrido. Este é mais um dos incidentes que destacam a vulnerabilidade das mulheres na Índia.

“Estou indo para o céu”, disse vítima de estupro coletivo antes de morrer










No final de dezembro uma estudante de fisioterapia de 23 anos morreu no hospital depois de ser estuprada e brutalmente agredida em um ônibus em movimento na capital nacional da Índia. No hospital, em sua última conversa com sua família, a jovem disse que estava indo para o céu.
- Ela fez um gesto com os dedos de que ela estava indo para o céu – afirmou, à BBC, o pai da jovem, que é de religião hindu e não teve o nome divulgado. Ele disse ainda que espera justiça contra os seis acusados do crime, entre eles, um jovem que afirma ser menor de idade e, portanto, não poderia ser condenado a pena de morte. Porém, a polícia está realizando testes para determinar a sua idade real.
- O jovem deve ser punido primeiro … ele foi o único que atraiu a minha filha para o ônibus e a torturou sem piedade. Ele deveria ser enforcado como os outros cinco acusados – disse o pai da vítima ao Economic Times.
De acordo com o The Christian Post, os registros da polícia apontam que o suspeito que alega ser menor de idade estuprou a estudante duas vezes, depois que ela foi atingida com barras de ferro e caiu inconsciente.
A jovem é descrita por todos que a conheciam como uma estudante dedicada, e seu pai conta ainda que ela queria construir um hospital em sua aldeia natal.
- Ela estudava dia e noite. Nós nem sequer sabíamos quando ela dormia e acordava. Ela não tinha medo de ninguém. Nós nunca poderíamos imaginar que tal destino lhe sucederia. Ela nunca deve ter imaginado – disse seu irmão.
O crime aconteceu na noite de 16 de dezembro, quando a mulher embarcou com um amigo em um ônibus privado depois de assistir a um filme em Déli do Sul. O jovem os teria convidado, dizendo que o ônibus estava indo onde queriam ir. Os seis homens dentro do ônibus começaram assediá-la. Quando seu amigo interveio, foi ferido na cabeça com uma barra de ferro por diversas vezes, até ficar inconsciente. Quando a mulher tentou resgatá-lo, eles bateram-na com a mesma barra, então os agressores se revezaram estuprando-a e agredindo-a.
Segundo relatos, os ferimentos indicam que um objeto contundente, possivelmente um macaco de roda enferrujado, pode ter sido usado para a penetração na jovem. O acusado então jogou os dois a partir do ônibus em movimento, e tentou atropelar a vítima. Seu amigo, que recuperou sua consciência no momento, arrastou-a para um canto para salvá-la.
O incidente causou indignação em toda a Índia, onde milhares de cidadãos exigem leis duras de estupro e melhor proteção para as mulheres.
Por Dan Martins, para o Gospel+

ORAÇÃO PARA LIVRAMENTO - SALMO 40








AO MESTRE DE CANTO.SALMO DE DAVI.

Esperei com paciência no SENHOR, e ele se inclinou para mim, e ouviu o meu clamor.

Tirou-me dum lago horrível, dum charco de lodo, pôs os meus pés sobre uma rocha, firmou os meus passos.


E pôs um novo cântico na minha boca, um hino ao nosso Deus; muitos o verão, e temerão, e confiarão no SENHOR.


Bem-aventurado o homem que põe no SENHOR a sua confiança, e que não respeita os soberbos nem os que se desviam para a mentira.


Muitas são, SENHOR meu Deus, as maravilhas que tens operado para conosco, e os teus pensamentos não se podem contar diante de ti; se eu os quisera anunciar, e deles falar, são mais do que se podem contar.


Sacrifício e oferta não quiseste; os meus ouvidos abriste; holocausto e expiação pelo pecado não reclamaste.
Então disse: Eis aqui venho; no rolo do livro de mim está escrito.


Deleito-me em fazer a tua vontade, ó Deus meu; sim, a tua lei está dentro do meu coração.


Preguei a justiça na grande congregação; eis que não retive os meus lábios, SENHOR, tu o sabes.


Não escondi a tua justiça dentro do meu coração; apregoei a tua fidelidade e a tua salvação. Não escondi da grande congregação a tua benignidade e a tua verdade

.
Não retires de mim, SENHOR, as tuas misericórdias; guardem-me continuamente a tua benignidade e a tua verdade

.
Porque males sem número me têm rodeado; as minhas iniqüidades me prenderam de modo que não posso olhar para cima. São mais numerosas do que os cabelos da minha cabeça; assim desfalece o meu coração.


Digna-te, SENHOR, livrar-me: SENHOR, apressa-te em meu auxílio.


Sejam à uma confundidos e envergonhados os que buscam a minha vida para destruí-la; tornem atrás e confundam-se os que me querem mal.


Desolados sejam em pago da sua afronta os que me dizem: Ah! Ah!


Folguem e alegrem-se em ti os que te buscam; digam constantemente os que amam a tua salvação: Magnificado seja o SENHOR.


Mas eu sou pobre e necessitado; contudo o Senhor cuida de mim. Tu és o meu auxílio e o meu libertador; não te detenhas, ó meu Deus.

 
Salmos 40:1-17




DEUS EU CREIO NAS TUAS PROMESSAS.
GLÓRIA A DEUS.
AMÉM.

Follow by Email

DIAS DO BLOG ON LINE.