Padre Fábio de Mello critica idolatria à virgem Maria e diz que “é Cristo quem nos salva”; Assista





O padre Fábio de Mello fez críticas ao que chamou de “devoções vazias” no meio da Igreja Católica, e citou o exemplo da devoção à virgem Maria, que em muitas ocasiões “toma o lugar do Cristo”.
O padre-cantor afirmou que tem visto o cristianismo ser “nivelado por baixo, reduzido a medalhinhas”, e disse que a devoção mariana vem sendo “excessivamente” valorizada, colocando a mãe de Jesus “fora do lugar dela”.
“Isso não é cristianismo. A liberdade consiste em você olhar para a santidade de Maria e você rezar com ela para que o tempo todo o Cristo prevaleça entre nós, porque nós não podemos mais admitir a experiência de um cristianismo sem o Cristo”, afirmou o padre, de forma contundente.
A crítica do padre se estende a outros dogmas presentes no cristianismo e, mais especificamente, ao catolicismo, e reforça a afirmação de que a salvação vem através apenas de Jesus Cristo.
“É Cristo que nos resgata, é Cristo que nos liberta. E nós estamos amarrados em muitas outras coisas, classificando isso como religioso, bonito… Não. Nós precisamos retomar a seriedade dessa Palavra. São Paulo não brinca com a comunidade, São Paulo não está falando com meios termos. É Cristo que nos salva, e é em torno d’Ele que nós precisamos organizar a nossa vida”, pontua Fábio de Mello.
Assista:


Por Tiago Chagas, para o Gospel+

Follow by Email

DIAS DO BLOG ON LINE.