Pr. Saeed Abedini é espancado em hospital no Irã

https://encrypted-tbn0.gstatic.com/images?q=tbn:ANd9GcQcKer8aH7IBclTmVBM6R9SaW-iiqxG3qydzJQ0gSUK7lC8sJRzeg



O pastor americano, Saeed Abenidi, que está preso no Irã, por causa de sua fé, foi recentemente brutalmente espancado em um hospital iraniano, e enviado a força de volta a brutal prisão de Rajai Shahr.
saeed-abedini-prisão-irã-um-anoSua família afirma que a transferência foi inesperada, e a razão não está clara. Mas um dos guardas envolvidos na transferência sugeriu que as recentes negociações nucleares iranianas poderia ser uma das causas, disse que a família.
“Este acontecimento é muito decepcionante, que quebra o nosso coração”, disse Naghmeh Abedini, esposa do pastor Saeed.
“Nossa família está profundamente triste e continuamos orando por Saeed, por sua segurança e pela sua liberdade. Estamos muitos gratos a tantas pessoas que ao redor do mundo continuam orando por Saeed”, acrescentou.
Em março, o pastor experimentou um evento semelhante. Ele foi levado ao mesmo hospital algemado e foi golpeado pelos guardas. Naquela época, foi lhe negado tratamento médico e visitas de seus familiares.
A  situação de Saeed no hospital havia melhorado após as criticas global, onde foi autorizado em receber frequentemente visitas de membros de sua família que mora no Irã, além de receber refeições nutritivas.
Seu retorno forçado a prisão vem acompanhado dos esforços contínuos em todo o mundo para assegurar a sua libertação.
Segundo o Centro Americano para Lei e Justiça (ACLJ), quase 260 mil pessoas em todo o mundo assinaram a petição “Be Heard Project”, em um esforço para conseguir a sua liberdade.
No entanto o cristão continua preso… oremos.

Portal Padom

Follow by Email

DIAS DO BLOG ON LINE.