UFC: antes de nova luta, evangélico Vitor Belfort diz que “casamento é entre homem e mulher”

Publicado por Tiago Chagas em 26 de outubro de 2015 

O lutador de MMA Vitor Belfort, evangélico, opinou sobre a união civil de pessoas do mesmo sexo e disse que a seu ver, o casamento é algo que representa o amor entre um homem e uma mulher, e as possibilidades de reprodução que isso abre.
A afirmação, contundente, foi dada em entrevista recente para a coluna Gente Boa, escrita pela jornalista Cleo Guimarães, para o jornal O Globo.
O atleta foi questionado sobre o que pensa sobre o casamento gay, numa entrevista que nada tinha a ver com o assunto, já que atualmente Belfort promove sua próxima luta pelo UFC, contra o norte-americano Dan Henderson, em São Paulo, no dia 07 de novembro.
“Qual a sua posição sobre o casamento gay?”, questionou a jornalista. Belfort foi claro e objetivo: “Eu tenho o direito de achar que o matrimônio é feito entre o homem e a mulher, mas respeito o direito de quem pensa diferente. Não aguento mais ver líderes evangélicos falando de forma agressiva sobre isso. Eu amo o ser humano, gente! Amo! Respeito todos eles e também quero ser respeitado”, afirmou, colocando ponto final no tema.
Sobre sua carreira no esporte, que meses atrás enfrentou grande polêmica por causa da reposição hormonal de testosterona, posteriormente proibida pela direção do UFC, Belfort disse que não se arrepende: “Nem todo corpo responde da mesma forma. O segredo é entender que nem sempre muito é melhor. Exagerei no meu corpo e ele não aturou”, resumiu.
A respeito da preparação para a luta desempate contra Henderson, Belfort revelou que não faz abstinência sexual: “Eu não faço sexo, faço amor em casa, com a minha esposa maravilhosa (Belfort é casado com Joana Prado, a ex-dançarina ‘Feiticeira’, mãe de seus três filhos). Quando você tem uma vida matrimonial, tudo te dá energia. Eu amo minha mulher e vivo para ela”, concluiu.

Follow by Email

DIAS DO BLOG ON LINE.