Casal cristão que viveu junto por 63 anos falece no mesmo dia; “Ato de amor de Deus”, dizem filhos Por Tiago Chagas - 1 de setembro de 2016




Uma incrível história protagonizada por um casal de cristãos tem emocionado pessoas ao redor do mundo, devido à permissão divina de que uma vida inteira vivida em parceria, também terminasse assim, e pacificamente.
O casal Jeanette e Henry De Lange viveu junto por 63 anos, e no dia que a jornada dela chegou ao fim, ele também faleceu. Com apenas 20 minutos de diferença.
A rede de TV CNN, a principal emissora jornalística dos Estados Unidos, noticiou o caso contando detalhes da forma como eles se conheceram e viveram. O casal passou a vida ajudando pessoas: ele, que era um veterano de guerra – lutou pelo país na chamada Guerra da Coréia -, serviu como bombeiro após o fim do conflito; ela, funcionária do Hospital Platte, cuidou de crianças.
O casal, com essa longa estrada juntos, foram membros presentes e ativos da Igreja Cristã Reformada de Platte, no estado de Dakota do Sul.
No final da vida, os filhos os internaram em um centro especializado em cuidados a idosos. Ambos estavam bastante doentes: Jeanette sofria de alzheimer e Henry tinha um câncer de próstata.
Quando os filhos foram avisados pelos administradores do local que seus pais estavam em um estado crítico, foram todos, imediatamente, para o momento que seria a última reunião de família.
Lendo a Bíblia para eles, viram a mãe dar seu último suspiro às 17h10 do dia 31 de julho. “Ela faleceu muito, muito em paz. Incrivelmente em paz”, comentou um dos filhos. Cuidadosamente, outro filho se aproximou do pai e deu a notícia: “Mamãe foi para o céu. Você não tem que lutar mais, você pode ir também, se quiser”, disse ele.
Com a paz que excede a todo entendimento, Henry aceitou a perda da esposa, e antes de partir, olhou mais uma vez para a esposa e fechou os olhos. 20 minutos depois, faleceu.
“Estamos chamando isso de um belo ato de amor e misericórdia de Deus” disse um dos filhos, contando que seus pais viviam uma vida muito cheia de amor e que, mesmo com o falecimento dos pais, viram a ação de Deus no momento certo. “[Eles foram] fortes cristãos que queriam compartilhar sua fé com os outros”, concluíram os filhos do casal.
noticias.gospelmais.com.br

Follow by Email

DIAS DO BLOG ON LINE.