Agenor Duque diz que candidato a vereador seria eleito, e com derrota nas urnas, “profecia” se torna viral Por Tiago Chagas - 6 de outubro de 2016





Agenor Duque, autointitulado apóstolo da Igreja Plenitude do Trono de Deus, mais uma vez se submeteu a uma situação constrangedora ao predizer a vitória de um candidato a vereador e, no dia seguinte, ao final da apuração, ser desmentido.
O vídeo do evento circula nas redes sociais, indicando inclusive um crime eleitoral, já que Duque conduz o público presente a uma oração por 31.000 bênçãos, que seria o número do candidato.
Em seu discurso, Duque afirma que se ele for profeta de Deus, o candidato será vitorioso. No entanto, o pleiteante à vereança acumulou apenas 1.600 votos e não conseguiu a vaga.
“Se a boca de Deus fala por mim, se a boca de Deus fala pela minha, amanhã por essas horas você vai estar cantando o hino da vitória”, diz o líder neopentecostal.
O site Púlpito Cristão publicou uma crítica severa a Duque, que coleciona episódios constrangedores e contraditórios em relação aos conceitos do Evangelho. “Às vezes a melhor maneira de desmascarar um falso profeta é deixá-lo falar. Peixe morre pela boca, e alguns pastores hereges também. Será que precisamos mesmo de outro sinal para declará-lo falso profeta? Aliás, as heresias malditas que sua seita apregoa já não são suficientes para desmascará-lo?”, questionou o editor.
“Infelizmente, para o gado gospel cego e ávido por falsas promessas nenhum sinal nunca é suficiente, e este ilusionista da fé continuará promovendo seus espetáculos e envergonhando o nome de Deus”, concluiu o texto do Púlpito Cristão.
Assista ao vídeo em que Agenor Duque prediz a vitória do candidato:

noticias.gospelmais.com.br

Follow by Email

DIAS DO BLOG ON LINE.